Investidores-anjo apostam em novas idéias


Novos empreendedores podem colocar suas idéias em prática com a ajuda dos profissionais bem sucedidos intitulados "investidores-anjo", dipostos a investir em novas empresas e/ou produtos, tanto com auxílio financeiro quanto com o seu próprio apoio técnico. Para isso, é necessário que entrem em contato com a entidade Anjos do Brasil, criada com o objetivo de fomentar o crescimento do investimento-anjo para apoio ao empreendedorismo de inovação.

O que é o investimento-anjo.

O investimento-anjo é uma atividade que possui alto potencial de impacto na criação de empresas de alto valor agregado, destacando-se como exemplos a Apple, o Google, o Facebook e a Fedex dos EUA e a Bematech e o Buscapé do Brasil. O Investidor-anjo é um profissional que efetiva além do investimento dos recursos financeiros necessários para a criação de novas empresas, seu conhecimento, experiência e relacionamento aumentando significativamente as chances de seu sucesso bem  como acelera seu crescimento, gerando além de empregos mais qualificados, know-how e tecnologia para o país. (fonte)

O que é um Investidor-Anjo.

O Investimento-Anjo é originário dos EUA, aonde é conhecido como Angel Investor ou Business Angel, apresentando as seguintes características:
1. É efetivado por pessoa física (que pode investir através de uma PJ, mas com recursos e trabalho próprios; não de terceiros*).
2. Investe em empresas nascentes (startups), próximas aonde reside, para poder apoiá-las.
3. Tem normalmente uma participação minoritária no negócio.
4. Não tem posição executiva na empresa, mas apóia o empreendedor com seu conhecimento, experiência e relacionamento, além dos recursos financeiros. O que é conhecido como smart-money.
*O Investimento com recursos de terceiros é chamado de "gestão de recursos". É efetivado por fundos de investimento e similares, sendo uma modalidade importante e complementar a de Investimento-Anjo, é normalmente aplicado em aportes subsequentes.

O Investidor-Anjo é normalmente um (ex-)empresário/empreendedor ou executivo que já trilhou uma carreira de sucesso, acumulando recursos suficientes para alocar uma parte (normalmente entre 5% a 10% do seu patrimônio) para investir em novas empresas, bem como aplicar sua experiência apoiando a empresa. Importante observar que diferentemente que muitos imaginam, o Investidor-Anjo normalmente não é detentor de grandes fortunas, pois o investimento-anjo para estes seria muito pequeno para ser administrado.



Importante observar que o investimento-anjo não é uma atividade filantrópica e/ou com fins sociais. O Investidor-Anjo tem como objetivo aplicar em negócios com alto potencial de retorno, que consequentemente terão um grande impacto positivo para a sociedade através da geração de oportunidades de trabalho e de renda. O termo "anjo" é utilizado pelo fato de não ser um investidor puramente financeiro que fornece apenas o capital necessário para o negócio, mas por apoiar ao empreendedor, aplicando seus conhecimentos, experiência e rede de relacionamento para orientá-lo e aumentar suas chances de sucesso.
O investimento-anjo em uma empresa é normalmente feito por um grupo de 2 a 5 investidores, tanto para diluição de riscos como para o compartilhamento da dedicação. Vale observar que a tendência mais atual e eficiente para o investimento-anjo é a definição de um investidor-líder (Lead Investor ou Deal Leader se o seu investimento for com trabalho apenas) que faça a pré-avaliação do projeto e a negociação com o empreendedor, para que este então seja apresentado a outros investidores-anjo (chamados neste caso de seguidores ou followers). Com isto o processo de investimento é mais rápido e efetivo, pois efetivar todo processo em grupo pode ser muito lento, uma vez que até marcar uma simples reunião poder ser um verdadeiro desafio para conciliar as agendas de todos, sem contar que obter consenso pode levar meses. É claro que o investidor-líder deve ter uma remuneração pela sua dedicação adicional, mas não em dinheiro e sim tendo uma diferenciação na sua participação percentual do negócio, devendo para tanto ter disponibilidade de tempo para efetivar todo processo. Nada impede que um mesmo investidor-anjo atue como líder de um negócio e seguidor de outro; isto até aumenta sua produtividade e oportunidades. Por outro lado, se a atividade principal do investidor-anjo for outra e tiver pouca disponibilidade para dedicar-se a conduzir todo processo, é recomendável que busque ser um seguidor.


Para conhecer em que tipo/requisitos do negócio se enquadram em investimento-anjo, veja Como Obter Investimento-Anjo.
Veja os vídeos abaixo para conhecer melhor o que é um investidor-anjo e depois clique aqui para ver a Apresentação de Introdução ao Investimento-Anjo.



Fonte: Anjos do Brasil

Um comentário:

  1. Carlos de Andrade Franco2 de maio de 2012 12:40

    muito bom, esperança para quem esta morrendo na praia...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visitantes e amigos pelo mundo